8 de nov de 2013

No reino da fantasmia


Imagem Google


Que olhos são estes...que boca?
Que mãos estas que nunca me alcançam?
Fantasma das minhas noites
Das madrugadas vazias de lua
Teu uivo morreu  na frieza escura da tua boca
Tua sombra(que ainda me assombra)
O vento levou pra outras bandas
No entanto ainda a vejo em meus sonhos febris
Fantasma de mil disfarces
Num deles eras príncipe... depois um sapo...
E eu, passando as folhas de um livro
Àvida de sonhos , de reinos encantados
Vestidos cor-de –rosa...cristal nos sapatos...
Onde o fim das histórias?
Já se passou uma eternidade...
Nesse livro, agora quase em branco
Na minha memória....

regina ragazzi




2 comentários:

  1. Limerique

    Que boca tão grande é essa afinal?
    E essa bela de sapatos de cristal?
    Alice atrás do espelho
    Garota de chapéu vermelho
    Até príncipe, Rapunzel e lobo mau.

    ResponderExcluir
  2. Amiga Regina, gosto deste recuo no tempo, desta busca do que fomos ou do que poderíamos ter sido ou vivido ou presenciado. Inclusive trabalho isso em vários poemas.
    Um abraço. Tenhas uma linda sexta-feira

    ResponderExcluir

Obrigada por ter vindo. Deixe seu comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...